GUIA DE EMPRESAS
O quê
Onde?

Potim

Potim Entrada da Cidade (Fonte: Prefeitura de Potim)

Potim está localizado no Vale do Paraíba, interior de São Paulo, situado a 2 quilômetros do centro de Aparecida e separado desta cidade apenas pelas águas do rio Paraíba do Sul, distante cerca de 11 quilômetros de Guaratinguetá e 167 quilômetros da capital. Sua população estimada em 2015 é de 22.453. Gentílico: potinense.

O povoamento desenvolveu-se lentamente. Tornou-se uma vila de pescadores e de trabalhadores rurais. Na época da independência do Brasil, o bairro, foi o maior produtor de mandioca de Guaratinguetá. Desenvolveu-se preguiçosamente durante quase dois séculos, em volta da igrejinha do Senhor Bom Jesus.

Em mil novecentos foi inaugurada a ponte ligando Potim a Aparecida, construída com madeira da antiga ponte do Pedregulho, em Guaratinguetá, que havia sido substituída pela ponte metálica, ainda no século anterior. O construtor e proprietário da ponte foi Francisco José de Castro e custou perto de mil contos de réis, que depois de um tempo foi levada pela correnteza do Rio Paraíba e no local foi introduzida uma balsa para a travessia do rio, nos idos de mil novecentos e quatorze.

Somente no ano de mil novecentos e sessenta e seis, o então Governador do Estado, Ademar de Barros Filho, inaugurou a ponte de concreto armado, que perdura até hoje, porém possui limitação de tráfego.

Posteriormente foi inaugurada pelo governador de estado Eng. Mário Covas, a nova ponte de concreto armado, paralela à anterior, 300 metros a jusante, porém mais moderna e que foi denominada “Ministro Roberto Cardoso Alves”, ligando Potim à cidade de Aparecida, acesso principal, porta de entrada da cidade, pois não há uma entrada direta no município através de uma rodovia.

No dia 23 de dezembro de 1981 foi criado o Distrito de Potim, pela Lei 3.198.

Comissão Emancipadora: Em março de 1988, uma comissão de pessoas interessadas no desenvolvimento do Distrito, que pouca atenção recebia dos dirigentes do Município de Guaratinguetá, recolheu cem assinaturas de eleitores inscritos na Circunscrição Eleitoral do Distrito de Potim e com o grande apoio dos atuais Prefeito e Vice-Prefeito, juntaram a documentação necessária e encaminharam à Assembléia Legislativa do estado de São Paulo uma solicitação de Emancipação Política e Administrativa, que foi recebida e protocolada pelo então Presidente da Assembléia.

Após os trâmites legais, foi o processo emancipatório aprovado pela Assembléia Legislativa do estado e o Egrégio Tribunal Regional Eleitoral designou a data de dezenove de maio de mil novecentos e noventa e um para a realização da consulta plebiscitária.

Fonte: Prefeitura de Potim